Nossas
Notícias

7 de julho de 2016

Cadeia produtiva em Goiás segue forte

A cadeia da transformação do plástico no estado de Goiás alcançou números expressivos nos últimos anos. Em 2015, o setor na região atingiu a marca de quase 300 empresas atuantes (12 mil em todo o Brasil), com a ocupação de quase 5 mil postos de trabalho diretos em empresas de pequeno, médio e grande portes, consolidando-se entre os quatro mais importantes estados de transformação plástica no país. Em todo o Brasil, a produção de transformados, mesmo com ligeira queda em relação aos anos anteriores, chegou aos quase 7 bilhões de toneladas. Já o montante exportado representa 257 mil toneladas, o equivalente a 9% da produção total.

Neste ambiente, o Brasil receberá o 2º Congresso Brasileiro do Plástico, uma das principais iniciativas do segmento para América Latina com o objetivo de evidenciar o plástico como elemento indispensável para melhorar a qualidade de vida das pessoas. Nesta edição, congressistas do Brasil e do mundo discutirão as contribuições do produto em segmentos estratégicos como saúde, sustentabilidade, inovação e tecnologia, e seu papel na economia do país por meio da exportação. O congresso será realizado nos dias 5 e 6 de outubro, no Teatro da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre (RS).

Confira outras notícias